Mastopexia

Mastopexia é o procedimento cirúrgico que tem por finalidade elevar os seios. Durante a elevação dos seios, o excesso de pele é removido e o tecido mamário é remodelado.

A Mastopexia não altera significativamente o tamanho dos seios. No entanto, um levantamento dos seios pode ser feito em combinação com aumento ou redução dos seios.

Como funciona a Mastopexia?

As técnicas usadas para remover a pele e remodelar o tecido mamário variam. A técnica específica escolhida pelo cirurgião plástico determinará a localização das incisões e as cicatrizes resultantes. O seu médico pode fazer incisões: Ao redor das aréolas — a área mais escura ao redor dos mamilos; Estendendo-se para baixo das aréolas até os vincos mamários, e; Horizontalmente ao longo dos vincos mamários.

Seu médico pode colocar pontos profundos em seus seios para remodelar seu tecido mamário e, se necessário, reduzir o tamanho das aréolas. Ele removerá o excesso de pele da mama e mudará os mamilos para posições mais altas. O seu médico reunirá a pele do peito e fechará as incisões com pontos, fita cirúrgica ou adesivos na pele. O procedimento normalmente leva de duas a três horas e você pode ir para casa no mesmo dia.

Antes e depois da Mastopexia

Antes do procedimento será necessário cumprir uma série de requisitos: Revisar o histórico médico; exame físico; alinhamento de expectativas; mamografia e,; controle do peso. Também será necessário parar de fumar e evitar certos medicamentos, como anti-inflamatórios e suplementos de ervas.

Após a Mastopexia, seus seios provavelmente serão cobertos com gaze e um sutiã cirúrgico. Tubos pequenos podem ser colocados nos locais da incisão em seus seios para drenar qualquer excesso de sangue ou fluido.

Seus seios ficarão inchados e machucados por cerca de duas semanas. Você provavelmente sentirá dor e dor ao redor das incisões, que ficarão vermelhas ou rosadas por alguns meses. A dormência nos mamilos, aréolas e pele do peito pode durar cerca de seis semanas.

Resultados

Você notará a mudança imediata na aparência dos seus seios — embora a forma deles continue a mudar até se estabilizar nos próximos meses. Embora as cicatrizes sejam permanentes, elas amolecem e se tornam finas e brancas dentro de um a dois anos. 

Os resultados da elevação dos seios podem não ser permanentes. À medida que você envelhece, sua pele fica naturalmente menos elástica e pode ocorrer flacidez – especialmente se você tiver seios maiores e mais pesados. Manter um peso estável e saudável pode ajudar a manter seus resultados.

Perguntas mais frequentes sobre Mastopexia

  1. Quais as contraindicações para a Mastopexia?
    A mastopexia é raramente indicada para mulheres jovens, isso porque a cirurgia pode atrapalhar a amamentação. Pacientes que possuem doenças autoimunes, como o lúpus eritematoso sistêmicos, ou doenças crônicas descompensadas, como diabetes, hipertensão ou insuficiência cardíaca, devem evitar a cirurgia pois o quadro dessas doenças pode piorar depois da operação.
  2. As cicatrizes podem prejudicar a estética?
    Há chances, sim, de que a cicatriz fique desfavorável na mama e também pode ocorrer que as mamas fiquem assimétricas e com contorno e forma irregulares.
  3. Quanto tempo de repouso é necessário?
    Cada caso deverá ser discutido com o médico cirurgião, mas a recomendação comum é 15 dias de repouso e, se tudo ocorrer bem no pós-operatório, os trabalhos leves podem voltar a ser admitidos. Dirigir, por exemplo, ou atividades semelhantes, somente depois de 21 dias e caminhadas e outros exercícios físicos somente depois de um mês, com muito cuidado e roupas adequadas para que os seios não balancem. Musculação e exercícios mais pesados devem ser feitos somente depois de dois meses após a cirurgia.

Ficou com alguma dúvida? Converse com seu médico antes de decidir fazer o procedimento de Mastopexia. Nossa equipe está à sua disposição para lhe auxiliar no que for preciso, entre em contato.